RSS

Arquivo da tag: Livro

Teste seu estresse

É isso mesmo! Para saber se você é uma pessoa estressada, basta visitar o estande do livro Dianética, o Poder da Mente Sobre o Corpo, na Bienal, e fazer – de graça – um teste de estresse, para saber como anda seu psicológico.

O livro do autor já falecido L. Ron Hubbard, tem a proposta de desvendar a mente humana. Em entrevista ao Trilhas da Cultura Carioca, a porta voz do autor, Lúcia Winther, nos conta um pouco sobre esse livro diferente que ganhou o mundo.

Segundo Lúcia, o livro Dianética busca localizar a origem do estresse para poder eliminá-lo. A defesa é que a sua origem não seria físico e sim mental. A porta voz explica: “As pessoas entram pensando que vão testar o nervosismo, mas não é isso. O estresse real acontece no momento doloroso”.

Foi através de muitas pesquisas, como linhas da psicologia, filosofias orientais e o estudo de vinte e uma raças primitivas que o autor americano chegou às suas conclusões. Para tal, foram necessárias décadas de estudo e dedicação, onde ele buscou explicação para vários comportamentos humanos como o nervosismo, a insegurança, a tristeza, entre outros.

Uma curiosidade é que L. Ron Hubbard é o autor mais traduzido do mundo, com 52 idiomas, para ser exato. Seus livros tem 3 recordes no Guinness Book.

A coleção completa de Hubbard tem 18 livros. Esse ano a Biblioteca Nacional do Rio de Janeiro foi presenteada com os 18, em capa de couro.

A porta voz Lúcia Winther é apresentadora do programa Dianética – Esperança de um Mundo Melhor, onde ajuda seus ouvintes através dos ensinamentos dos livros. Os assuntos mais comentados são: relacionamento, comunicação, sucesso profissional, planejamento financeiro e técnicas de estudos. Para quem tiver interesse é só acessar o site www.dianetica.org.br/programaradio.html

Fica a dica!

 
1 comentário

Publicado por em 11 de setembro de 2011 em Indicações Culturais

 

Tags: , , , ,

Um autor, vários livros

Carlos Alberto de Lima é coronel da reserva, mas trabalha como assessor de imprensa do comando militar do leste. Além disso, também é escritor e possui 4 obras são elas: Mil e uma dicas para o novo comandante, Novo dicionário de Futebol, Nomes que marcam o Rio, Conversa fiada.

Em entrevista ao Trilhas, o autor revela que, de todos os seus livros, o mais vendido é o Nomes que marcam o Rio. A ideia de escrever o livro surgiu do momento em que percebeu que as pessoas tinham a curiosidade de saber de onde vinham os nomes de determinadas ruas, prédios, avenidas, praças, hospitais e outros lugares do Rio.

Um exemplo: sobre o Túnel Rebouças, o autor fez uma pesquisa e descobriu que não era uma pessoa e sim duas. André Rebouças e Antônio Rebouças que eram irmãos e engenheiros abolicionistas negros (dessa, nem eu sabia!). A proposta do “Nomes que marcam o Rio” é descobrir as histórias por trás dos nomes. O livro também é um ótimo presente, para quem gosta da nossa Cidade Maravilhosa.

Então, fica a dica: se você quiser conhecer um pouquinho mais sobre a cidade do Rio de Janeiro, tá aí um bom livro.

 
Deixe um comentário

Publicado por em 11 de setembro de 2011 em Indicações Culturais

 

Tags: , ,

Seja dona da sua própria sexualidade

Essa é proposta do livro Boa de Cama, lançado nesta quinta (8), pela autora Selma Arau, que esteve presente na Bienal do Livro.  O público alvo não são apenas as mulheres, mas também seus maridos, para que entendam melhor o universo sexual feminino, assim descobrindo a amante em potencial que existe dentro delas.

A idéia de escrever este livro surgiu a partir do momento em que ela percebeu, após mais ou menos 5 anos de pesquisa e trabalho de campo, a desarmonia na vida conjugal, mesmo que havendo o amor entre o casal. Com isso o objetivo é dar forma e conteúdo a vida a dois.

O livro fala sobre a sexualidade feminina de uma maneira diferenciada, mas sem ser vulgar, fazendo com que a mulher enxergue seu prazer como algo natural, com isso transformando sua relação, ou seja, a proposta do livro é mostrar para esses casais a importância do amor e da sexualidade, para que ambos tenham uma vida cotidiana harmônica e uma vida sexual prazerosa.

Para Selma, a vida sexual feminina é reprimida em nossa sociedade e a mídia tem um papel fundamental nesse aspecto, pois quando se fala que uma mulher é boa de cama há sempre uma conotação pornográfica negativa. Boa de cama é a mulher que busca vivenciar na relação amor e sexo juntos, uma vez que um completa o outro.

O marido, que vê sua mulher com maus olhos, só porque ela mostra interesse e busca seu prazer na sexualidade, em função de atitudes mais ousadas, segundo a autora, não é um homem bom de cama.

Compre o Boa de Cama, de Selma Arau, e amplie os horizontes da sua mente!

 
6 Comentários

Publicado por em 9 de setembro de 2011 em Cultura

 

Tags: , ,